Anatel promete ampliar fiscalização com novo sistema

12/01/2015

A Agência Nacional Telecomunicações (Anatel) pretende ampliar e melhorar a infraestrutura de seu centro de monitoramento de redes. O objetivo é tornar mais eficiente o funcionamento das redes de telecomunicações das operadoras presentes no mercado brasileiro. Os sistemas de todas operadoras serão integrados, para promover agilidade e a identificação de problemas que possam prejudicar a prestação dos serviços.

O monitoramento conjunto já foi testado e aprovado no País, durante a Copa do Mundo. Com o novo sistema, será possível detectar e corrigir eventuais erros nas redes. Segundo o vice-presidente da Anatel, Jarbas Valente, a agência atualmente monitora de forma sistemática, mas cada operadora com aplicativos e sistemas diferentes e não integrados. Com a reforma na infraestrutura, todas as operadoras estarão integradas num único sistema. Isso permite, por exemplo, saber, se uma determinada antena móvel está chegando perto do nível de congestionamento, que representa cerca de 60% da capacidade.

Até o final do primeiro semestre de 2015, o novo sistema fiscalizará também operadoras de TV por assinatura, conexões de dados de telefonia e internet fixas, SeAC (Serviço de Acesso Condicionado, em geral obtido a partir da contratação de pacotes de canais audiovisuais) e sistemas de rede aberta.

Fonte: Pedro Pedruzzi/Agência Brasil

FACEBOOK

FAÇA PARTE

FENTEC
CUT
CFT

SINDICALIZE-SE